Home
 
 
 
 
 
 
 

01/09/19

                Um Obreiro Cumprindo Um Mandado de Deus

                               Ne. 13.1-14

Int.- Neemias era o copeiro da corte de Artaxerxes. Esta era uma posição de muita honra. Mas nessa posição de intimidade com o rei, ele não se esqueceu do seu povo.

- As notícias que recebera de Jerusalém o entristeceram muito.

- Neemias não pôde esconder essa tristeza na presença do rei.

- Os judeus tinham regressado à pátria havia um século, mas nenhuma tentativa fora feita para reconstruir Jerusalém, porque os seus inimigos tornavam essa tarefa quase impossível.

- Inimigos na obra de Deus sempre vão existir, tentando impedir que a obra seja feita.

- O nosso papel como obreiro é não deixar se intimidar com os opositores.

Lc. 9.62: E Jesus lhe disse: Ninguém que lança mão do arado e olha para trás é apto para o reino de Deus.

- A lealdade e o zelo de Neemias para com o seu povo era bastante forte, para fazê-lo deixar o conforto da corte real e voltar para reconstruir Jerusalém, a capital da sua terra.

- O rei Artaxerxes permitiu Neemias retornar a Jerusalém para reconstruir os muros e o templo do Senhor.

- Quando Neemias chegou em Jerusalém no ano 445 a.C., Esdras já se achava lá havia 13 anos.

- Esdras era sacerdote e vinha ensinando o povo a Palavra de Deus.

- Neemias foi designado pelo rei Artaxerxes como governador em Jerusalém.

- Neemias tinha vindo com autorização do rei para reconstruir os muros da cidade.

- Por que reconstruir os muros primeiro?

- Porque os muros dão proteção contra a invasão de exércitos inimigos.

- Tenha os muros espirituais da tua vida construídos, pois isso vai te dar proteção contra os ataques do inimigo.

- Quando Neemias chegou em Jerusalém e viu o estado de ruína em que a cidade se encontrava, incentivou o povo a iniciar a reconstrução do muro imediatamente.

- A obra foi realizada em 52 dias, tendo sido entregue a cada família uma parte do muro.

- A união de todas as famílias fez que a obra fosse feita em 52 dias.

- Deus precisa do trabalho de cada obreiro para que a obra seja feita.

- A somatória do trabalho de todos faz que a Igreja de Cristo seja edificada.

- Você é importante nesse trabalho para Deus.

- O seu trabalho é valioso para que a obra de Deus cresça.

Ne. 4.6: Assim, edificamos o muro, e todo o muro se cerrou até sua metade; porque o coração do povo se inclinava a trabalhar.

- O povo tinha ânimo para trabalhar.

- É necessário que o obreiro tenha ânimo para fazer a obra de Deus.

- A graça de Deus na vida do obreiro lhe trás ânimo para o trabalho.

- Precisamos da graça de Deus para realizar a obra do Senhor.

- Somente com a disposição humana não conseguimos realizar a obra de Deus.

- A graça de Deus é indispensável na realização da obra de Deus.

II Tm. 2.1: Tu, pois, meu filho, fortifica-te na graça que há em Cristo Jesus.

- Timóteo era um jovem obreiro na obra de Deus.

- E Paulo lhe dizia para se fortificar na graça de Deus para realizar a obra de Deus.

- Neemias foi um verdadeiro engenheiro na realização do trabalho.

- Havia inimigos por toda parte.

- Primeiro, os samaritanos, inimigos dos judeus, escarneceram deles.

- Perturbavam o trabalho, de modo que os judeus tinham de vigiá-los noite e dia.

- O escárnio deles se transformou em ódio e Neemias dividiu os homens em dois grupos: um para vigiar e outro para trabalhar.

- Depois, surgiu oposição entre os próprios judeus.

- Alguns deles se cansaram e reclamaram que havia tanto escombro que os muros não podiam ser levantados.

- Todo esse entulho tinha de ser removido em sacos carregados às costas.

- Não havia carrinhos de mão nem outros veículos para transportar o material.

- Os inimigos tentaram, com astúcia, desviar Neemias da sua construção, mas ele resistiu e orou e de novo frustrou o inimigo.

Ne. 6.3: E enviei-lhes mensageiros a dizer: Estou fazendo uma grande obra; de modo que não poderei descer. Por que cessaria esta obra, enquanto eu a deixasse e fosse ter convosco?

- Não pare de fazer a obra de Deus por nenhum motivo.

- Deus que te chamou te dará graça para cumprir o seu mandado.

- Neemias deixou uma vida de bem-estar e conforto e segurança por uma vida de trabalho, perigos e aflições.

II Tm. 2.3: Sofre, pois, comigo as aflições, como bom soldado de Jesus Cristo.

- Paulo dizia ao jovem obreiro Timóteo, que o obreiro deve sofrer as aflições que existem ao fazer a obra de Deus.

II Tm. 2.4: Ninguém que milita se embaraça com negócios desta vida, a fim de agradar aquele que o alistou para a guerra.

- O Senhor te chamou para a Sua obra e te alistou para a guerra.

- Seja um soldado valente do Senhor.

- Não deixe os embaraços da vida te impedirem de fazer a obra de Deus.

- Seja um soldado destemido e corajoso.

- Neemias era um homem de oração.

- Não se encontra nenhuma mancha em seu caráter.

Ne. 1.4: E sucedeu que, ouvindo eu estas palavras, assentei-me, e chorei, e lamentei por alguns dias; e estive jejuando e orando perante o Deus dos céus.

- Você tem amor pela obra de Deus, para fazer como Neemias fez: Chorar, orar e jejuar pela obra de Deus?

- Você tem o coração na obra de Deus?

Pv. 27.23: Procura conhecer o estado das tuas ovelhas; pôe o teu coração sobre o gado.

- Para o obreiro ser bem sucedido no ministério, ele precisa ter amor pela obra de Deus.

- O amor pela obra de Deus, faz o obreiro se empenhar pelo trabalho.

- O amor pela obra de Deus, faz o obreiro interceder em oração pelo bem da obra.

- Se nós queremos dar frutos para Deus, precisamos pagar o preço para isso acontecer.

- Deus conta comigo e com você para a realização da sua obra.

- Deus chamou a cada obreiro e colocou na sua seara como quis.

- Esdras Deus o chamou para ser sacerdote.

- Neemias Deus o chamou para ser governador e liderar a reconstrução de Jerusalém.

- Cada um deles foi fundamental na realização da obra de Deus.

I- Neemias Remove Diversos Abusos.

      Neste capítulo treze, observamos que a ausência de Neemias provocou inúmeros distúrbios na ordem de Jerusalém.

- Para cumprir seu acordo com o rei, após o prazo determinado ele voltou para a corte persa.

- Sua intenção era voltar e continuar o trabalho. Mas desta vez o rei não cedeu tão facilmente.

- Neemias era um servo precioso e seus serviços eram estimados.

- Podemos ter uma ideia de sua capacidade na obra que foi desenvolvida em Jerusalém.

- A ausência de Neemias trouxe muitos prejuízos em Jerusalém.

- As portas de Jerusalém estavam sendo abertas todos os dias, inclusive no sábado. De forma que os comerciantes trabalhavam todos os dias e o culto foi deixado de lado.

- Eles pararam de entregar os dízimos e as ofertas, com isso os sacerdotes e levitas não tinham como sobreviver.

- Daí os levitas deixaram o templo e voltaram para suas casas.

- O obreiro não pode abandonar o seu trabalho na obra de Deus.

- Porque isso fará que a obra de Deus seja prejudicada e o povo se esfrie espiritualmente.

- Este capítulo nos ajuda a refletir sobre a importância de uma autoridade espiritual sadia e qualificada por Deus, na sua obra.

Pv. 29.18: Não havendo profecia, o povo se corrompe; mas o que guarda a lei, esse é bem-aventurado.

- O obreiro precisa estar na posição que Deus o colocou e ministrar a Palavra de Deus com graça.

1- A Ausência de Neemias Fez Que a Casa de Deus Fosse Corrompida.

V. 4: Ora, antes disto, Eliasibe, sacerdote, que presidia sobre a câmara da casa do nosso Deus, se tinha aparentado com Tobias.

- O sacerdote responsável de cuidar da casa de Deus, casou com a irmã de Tobias.

- Quem era Tobias?

- Foi um dos principais opositores da reconstrução das muralhas de Jerusalém.

- Tobias é citado no livro de Neemias como o servo amonita.

- O que o sacerdote principal da casa de Deus fez na ausência de Neemias?

- Se aparentou com Tobias inimigo da obra de Deus.

- Olha o perigo quando o obreiro se afasta e deixa o inimigo entrar na casa de Deus.

V. 5: E fizera-lhe uma câmara grande, onde dantes se metiam as ofertas de manjares, o incenso, os vasos e os dízimos do grão, do mosto e do azeite, que se ordenaram para os levitas, e cantores, e porteiros, como também a oferta alçada para os sacerdotes.

- O que fez o sacerdote principal que tinha se aparentado com Tobias?

- Colocou Tobias para morar na tesouraria da casa do Senhor.

- Colocou Tobias para morar na igreja.

- Tobias que era um inimigo ferrenho da obra de Deus, agora estava morando na igreja, na tesouraria.

- Olha o perigo de não se ter entendimento para com as coisas de Deus.

Mt. 22.29: Jesus, porém, respondendo, disse-lhes: Errais, não conhecendo as Escrituras, nem o poder de Deus.

- O inimigo fez que o sacerdote se aparentasse com Tobias, inimigo da obra de Deus.

- O sacerdote principal da casa de Deus, aparentado com Tobias afrouxou a moral, convidando Tobias para morar na igreja.

- Quais foram às consequências dessa atitude?

- Os levitas e os cantores e aqueles que faziam a obra de Deus, fugiram cada um para a sua terra.

- E povo vendo o inimigo na casa de Deus, deixou de dar a sua oferta e o seu dízimo no santuário.

- Veja que absurdo aconteceu: O inimigo dentro da casa de Deus.

- O grande erro: Foi que o sacerdote se contaminou se aparentando com Tobias.

- O obreiro de Deus não pode se deixar contaminar com o inimigo e com o pecado.

I Tm. 3.2: Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar.

- Aqui Paulo diz que o ministro de Deus deve ser irrepreensível.

- Que não tenha nada que o desabone.

- Não deixe o inimigo manchar o teu ministério.

- Não deixe o inimigo entrar na sua casa.

- Jesus não entrava na casa de quem não gostava dele.

- Jesus não entrava na casa do inimigo.

- Seja irrepreensível na presença de Deus.

2- Chegou o Dia Que Neemias Retornou Para Jerusalém.

V. 7: E vim a Jerusalém, e compreendi o mal que Eliasibe fizera para beneficiar a Tobias, fazendo-lhe uma câmara nos pátios da casa de Deus.

- Logo que Neemias retornou a Jerusalém, ele identificou aquele pecado do sacerdote Eliasibe de contaminar a casa de Deus.

V. 8: O que muito me desagradou; de sorte que lancei todos os móveis da casa de Tobias fora da câmara.

- Não fique muito tempo fora, para que o inimigo não tome conta da sua casa.

- O que Neemias fez quando encontrou Tobias morando na tesouraria da casa de Deus?

- Lançou todos os móveis de Tobias para fora da casa de Deus.

- Neemias sem relutância despejou Tobias da casa de Deus.

- Neemias expulsou Tobias da igreja.

V. 9: E, ordenando-o eu, purificaram as câmaras; e tornei a trazer ali os vasos da casa de Deus, com as ofertas de manjares e o incenso.

- Olha que absurdo havia acontecido: Tobias com a conivência do sacerdote Eliasibe, havia tirado os vasos da casa de Deus, para colocar os seus móveis.

- Havia trocado o santo pelo profano.

- Quando acontece isso, a glória de Deus deixa de manifestar na igreja.

- Neemias trouxe de volta os vasos da casa de Deus, e ordenou que se oferecessem as ofertas de manjares e o incenso a Deus.

- O obreiro não pode deixar o mundo entrar na igreja.

- Quando isso acontece Deus deixa de operar na igreja.

I Pe. 1.16: Porquanto escrito está: Sede santos, porque eu sou santo.

- Um homem santo é uma arma poderosíssima nas mãos de Deus.

- Neemias ordenou: Volte a cultuar a Deus.

V. 11: Então contendi com os magistrados, e disse: Por que se desamparou a casa de Deus? Porém eu os ajuntei e os restaurei no seu posto.

- A casa de Deus estava desamparada pelos sacerdotes e levitas.

- Neemias convocou novamente os sacerdotes e levitas para que tomassem o seu lugar.

- Cada um foi restaurado ao seu posto na casa de Deus.

- Como é importante cada obreiro estar no seu posto na casa de Deus.

- Os cultos voltaram a acontecer na casa de Deus.

II- A Normalidade Volta a Casa de Deus.

- Como é importante a casa de Deus ter um homem de Deus com a visão de Deus.

- Como é importante a casa de Deus ter um Dirigente vivendo em santidade na presença de Deus.

- Quando o povo viu a seriedade e a santidade na casa de Deus, o povo voltou a dizimar e a ofertar.

V. 12: Então todo o Judá trouxe os dízimos do grão, e do mosto, e do azeite aos celeiros.

- Quando o povo não vê santidade e seriedade na casa de Deus, o povo deixa de dizimar.

- A seriedade e a santidade na casa de Deus, trazem prosperidade à igreja.

- O povo fecha a mão quando não vê santidade e seriedade na administração da casa de Deus.

- E aqui fala: trouxeram aos celeiros.

Ml. 3.10: Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim, diz o Senhor dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós uma bênção tal, que dela vos advenha a maior abastança.

- A casa de Deus é o celeiro, é a casa do tesouro.

- E aqui diz: “Para que haja mantimento na minha casa”.

- A igreja é abençoada com a fidelidade do povo em dizimar.

- E consequentemente o povo é abençoado em obedecer a Palavra de Deus.

- Deus está dizendo se o crente for fiel no seu dízimo, haverá a maior abastança sobre este crente.

- E o que Neemias fez para que houvesse seriedade no cuidado das coisas de Deus?

V. 13: E por tesoureiros pus sobre os celeiros a Selemias, o sacerdote, e a Zadoque, o escrivão, e a Pedaías, dentre os levitas; e com eles Hanã, filho de Zacur, filho de Matanias; porque se tinham achado fiéis, e se lhes encarregou a eles a distribuição para seus irmãos.

- Neemias colocou na tesouraria da casa de Deus homens fiéis para administrar os recursos financeiros.

- Com isso tudo voltou à normalidade da benção de Deus sobre o santuário e sobre o povo.

- Na sua oração Neemias pede para que Deus veja o que ele fez na obra de Deus.

V. 14: Por isto, Deus meu, lembra-te de mim e não risques as beneficências que eu fiz à casa de meu Deus e às suas guardas.

- Deus não é injusto para se esquecer o que fazemos para Ele na sua obra.

Hb. 6.10: Porque Deus não é injusto para se esquecer da vossa obra e do trabalho da caridade que, para com o seu nome, mostrastes, enquanto servistes aos santos e ainda servis.

- O Senhor galardoa aquele que faz a sua obra.

- Jesus deixa isto bem claro nas suas palavras.

Mt. 19.29: E todo aquele que tiver deixado casas, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, ou mulher, ou filhos, ou terras, por amor do meu nome, receberá cem vezes tanto e herdará a vida eterna.

- Jesus aqui diz: Que receberá cem vezes mais aqui na terra em bens e a vida eterna no céu.

- Vale a pena fazer a obra de Deus com voluntariedade e amor.

Jo. 12.26: Se alguém me serve, siga-me, e, onde eu estiver, ali estará também o meu servo. E, se alguém me servir, meu Pai o honrará.

- A melhor coisa para o obreiro, é ser honrado por Deus.

- Receber a honra de Deus, é ser abençoado por Deus, na família, no trabalho, nos bens e na saúde.

- Sirva a Deus com voluntariedade e amor.

- Faça a obra de Deus com alegria e prazer.

- Deus é fiel para cuidar de você e da sua família.

Conclusão: O que aconteceu com o povo em Jerusalém depois que voltaram a cultuar e a dizimar na casa de Deus?

- A benção de Deus veio sobre o povo.

- Prosperaram nos seus negócios e nas suas casas.

- Houve um avivamento espiritual sobre o povo.

- Quando cumprimos os desígnios de Deus nessa terra, somos abençoados por Deus.

- Cumpra a tua chamada feita por Deus.

- Cumpra o teu ministério designado por Deus.

- E você será a pessoa mais feliz dessa terra.

II Tm. 4.5: Mas tu sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério.

 
       
 

Pr. Silvano Doblinski
Presidente da Igreja Assembleia de Deus
do Jabaquara em São Paulo - Brasil







 

 
Mais mensagens
Adicionar AD Jabaquara aos Favoritos